Todos os órgãos que compõem a Justiça Trabalhista já encaminharam ao Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) a proposta orçamentária prévia de 2017, que totaliza um valor superior a 17 bilhões de reais, através do Sistema de Gestão Orçamentária da Justiça do Trabalho (SIGEO-JT). Essa é a primeira vez na história do Judiciário Trabalhista que as propostas são encaminhadas através de um sistema unificado e nacional, o que facilitará o gerenciamento administrativo por parte do CSJT.

O Sigeo-JT, concebido inicialmente pelo TRT20, foi instituído como sistema único para gestão orçamentária e financeira do Judiciário Trabalhista através do ATO CONJUNTO TST.CSJT.GP nº19. A utilização do sistema para o envio da proposta orçamentária prévia de 2017 ocorreu por determinação do CSJT.

De acordo com Marcos Xavier, Secretário de Tecnologia da Informação e Comunicação do TRT20 e Gerente do projeto nacional, esse é um momento muito importante, sendo possível destacar dois grandes ganhos para a Justiça do Trabalho: “A agilidade, com as remessas sendo realizadas online, via rede da Justiça do Trabalho, e o detalhamento da proposta orçamentária, que permite ao Conselho acompanhar de forma mais precisa a aplicação do orçamento, possibilitando que eles defendam a alocação dos recursos necessários ao atendimento das demandas da Justiça do Trabalho, junto à Secretaria de Orçamento Federal do Poder Executivo, Órgão Centralizador do Orçamento da União”, explica.

O Comitê Gestor do Sigeo-JT, formado por membros de diversos órgãos trabalhistas, foi responsável por orientar os Regionais quanto a implantação do sistema e envio da proposta orçamentária, que ocorreu através da versão 3.3, finalizada pelo Comitê no início deste mês com o auxílio da Secretaria de Orçamento, Finanças e Pagamento de Pessoal (SOF) e da Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (SETIC) do TRT20.

Uma equipe formada por técnicos de TI deste e de outros TRTs (Rio de Janeiro, Paraná, Maranhão e Rondônia/Acre) estão alocados permanentemente no TRT20 para promover as medidas necessárias solicitadas pelo Comitê Gestor, que se reúne periodicamente no Tribunal visando avaliar e homologar as funcionalidades do sistema.

Sigeo-JT

Desenvolvido inicialmente pelo TRT da 20ª Região (Sergipe), o Sigeo-JT foi instituído como sistema informatizado único de processamento de informações relacionadas ao planejamento, à execução e ao acompanhamento orçamentário e financeiro de todo o Judiciário Trabalhista, sendo considerado como a solução mais vantajosa a ser aperfeiçoada e adaptada, em etapas, às necessidades nacionais.

Quando concluídas todas as etapas, o sistema, além de simplificar todos os processos e melhorar a eficácia e eficiência no aproveitamento dos recursos, permitirá a aferição da gestão por meio de indicadores e relatórios, melhorando o controle e reduzindo a possibilidade de erros. Antes do início de sua implantação, todo esse processo de elaboração e acompanhamento era realizado manualmente.

Fonte: Tribunal Regional do Trabalho da 20ª Região – Sergipe